Página Inicial

Qualidade, Essência e Conteúdo !

       Divulgando a Cultura Árabe de    Forma Autêntica.

QUALIDADE

Somos especializados em dança do ventre e cultura oriental, com profissionais cuidadosamente selecionados.

LOCALIZAÇÃO

Estamos localizados em frente ao metrô Ana Rosa, possibilitando um fácil acesso a todos.

PERSONALIZAÇÃO

As nossas turmas são reduzidas e nosso atendimento é personalizado.

Por que fazer Dança do Ventre?

RESGATANDO A FEMINILIDADE E AUTO ESTIMA

A energia feminina muitas vezes é equivocadamente relacionada com a fragilidade. Entretanto, quando falamos no feminino estamos falando de atributos inerentes a este universo e que são extremamente necessários para o equilíbrio.

Atualmente levamos uma vida atribulada na qual precisamos nos equilibrar entre papéis diversos e a exigência de uma postura profissional mais rígida atropela a nossa sensibilidade e força intuitiva que é característica fundamental da natureza feminina.

Quando a mulher entra em contato com o seu feminino ela faz uma profunda viagem dentro de si e descobre sua verdadeira força. Aprende a se amar, a se permitir sentir, a ter prazer e se torna muito mais bela, pois sente-se plena em sua essência.

Uma das coisas que mais ajudam no resgate do feminino e consequentemente da auto estima e auto confiança é a prática da dança do ventre. A dança permite que a praticante volte o olhar para si mesmo de forma amorosa, percebendo seu corpo de dentro para fora, suas emoções, suas sensações e aprendendo a lidar com elas.

I am text block. Click edit button to change this text. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec ullamcorper mattis, pulvinar dapibus leo.

Sobre a Pandora

Fundado em 31/01/2010, o Pandora Danças é um local destinado exclusivamente às artes e cultura oriental. Nosso principal foco é a divulgação da cultura árabe e oriental de forma autêntica, principalmente a música e a dança, incentivando também a criatividade a partir de uma base bem estruturada e sólida de conhecimento das tradições.

Nossos mestres e professores são cuidadosamente escolhidos, não somente por suas capacidades técnicas mas também pela sua bagagem histórica e cultural acrescentando assim valor imaterial as aulas ministradas, ricas não somente em técnica mas também em conhecimento, cultura e arte. 

Bem localizado e aconchegante, o espaço possibilita ao aluno sentir-se a vontade e tranqüilo. Somos uma grande família, nosso atendimento é personalizado e cada aluno é especial para nós!

Sob coordenação de Cristina Antoniadis, além das aulas regulares de Dança do Ventre e Música Árabe, o espaço oferece também cursos, workshops, oficinas e eventos especiais para um melhor aprimoramento e aproveitamento do aluno. As turmas possuem vagas limitadas para qualquer atividade e os profissionais são cuidadosamente escolhidos, prevalecendo assim a qualidade dos cursos oferecidos.

Oferecemos também planos especiais de pagamentos de acordo com o número de aulas que o aluno queira cursar, e para todos os eventos organizados pelo espaço, os alunos sempre terão descontos mais do que especiais!

Venha nos conhecer de perto e fazer parte dessa nossa grande família!!!

Cristina Antoniadis

DRT 31320/SP – (Artista/ Dançarina)

Idiomas: Grego (Fluente), Inglês (Intermediário) e Árabe (Noções Básicas)

Professora, dançarina, coreógrafa, pesquisadora e produtora cultural, estuda, pratica e trabalha com danças gregas e orientais a mais de 20 anos. Seu trabalho é voltado para a essência destas danças. Sendo de origem grega e árabe, sua mãe nasceu em Atenas e seu pai no Cairo, sua preocupação principal é manter as raízes e a cultura de seus ancestrais enriquecendo a diversidade cultural brasileira. Seu estilo é o tradicional dando espaço também para a criatividade o que resulta num trabalho autêntico e de grande excelência cultural e artística.

Seu primeiro contato com a “raqs el sharki” e danças típicas foi em casa, desde muito pequena.

Aos 7 anos ingressou no Grupo Folclórico da Coletividade Helênica de São Paulo, e desde então seguiu seus estudos e ativa participação em grupos de danças gregas até os 25 anos de idade, tendo também estudado estas danças na Grécia com professores da Cia Dora Stratou.

Participou também do grupo folclórico árabe da JOB (Juventude Ortodoxa do Brasil).

Seus estudos direcionados à “raqs el sharki” iniciaram em 1996 com a professora Cláudia Parolin, com a qual estuda em aulas ocasionais até os dias atuais e considera sua mestra.

Realizou diversos cursos, aulas e workshops com bailarinos e pesquisadores renomados dos quais destaco: Mohamed El Sayed, Tamalyn Dallal, Fadua Chuffi, Márcia Dib, Carlla Sillveira, Lulu from Brazil, Mahaila El Helwa e Soraia Zayed.

Praticou aulas de ritmos e derbak com Sami Bordokan durante 2 anos, com o qual também cursa aulas específicas sobre a música árabe visando aprimorar seus estudos referente à leitura musical na dança.

A partir deste conhecimento, desenvolveu um método próprio para o ensino dos ritmos e dos aspectos da música oriental direcionado para estudantes de danças orientais.

Visando o aprimoramento de sua consciência corporal e presença cênica, cursou ballet clássico com a bailarina Hanna Hadara e flamenco com a bailarina Ursula Pacolo durante 1 ano.

Apaixonada pelas possibilidades dos movimentos de quadris, realizou um estudo específico sobre o tema com a bailarina Nur.

Foi supervisora e orientadora de danças árabes nos trabalhos da minissérie “2 Irmãos” de Luíz Fernando de Carvalho/ Rede Globo e participou com atriz figurante em algumas cenas da série.

É convidada e participa constantemente como jurada em diversos festivais de danças orientais realizados pelo Brasil, tendo em seu currículo o Mercado Persa, Shimmie, Racks Sharki, Essência, E-Ventre, Nureen Dance Festival entre outros.

Atualmente coordena o PANDORA DANÇAS, um espaço especializado e destinado ao ensino da dança oriental e da música árabe com reconhecimento do ICArabe (Instituto de Cultura Árabe). Está a frente da escola desde 2010 buscando sempre aprimorar seu método de ensino.

É fundadora da PANDORA CIA DE DANÇAS, grupo formado por bailarinas registradas no DRT e que busca divulgar através de apresentações a cultura árabe de forma autêntica.

Foi idealizadora e produtora do projeto DANÇAS DO ORIENTE e QUINTAS COM DANÇA.

Como bailarina solo, apresenta-se em diversos festivais, eventos e é bailarina solista da Orquestra Oriental de Sami Bordokan com os quais obteve certificado de excelência artística da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo pelo projeto “Cantos e Encantos Árabes”.

Está em constante busca de aprendizado, não só na técnica da dança, mas em seu histórico, conceitos e filosofia.

Dúvidas Frequentes

As aulas de Dança do Ventre são regulares e o aprendizado é contínuo. Assim como em qualquer outra forma de arte, não há como estimar em quanto tempo uma pessoa consegue assimilar pois depende de vários fatores que incluem não só o talento e a facilidade para o aprendizado como também a disponibilidade que o aluno tem para o estudo e dedicação.
Nossas turmas são separadas por níveis: básico/ intermediário/ avançado e profissional.
Não há tempo limite para mudar de nível pois acreditamos que cada pessoa tem o seu próprio ritmo de aprendizado e os professores acompanham o desenvolvimento do aluno em sala de aula.
Os fatores que envolvem a dança oriental são muitos, e vão muito além da execução de movimentos, englobam aspectos musicais detalhados, aspectos históricos e culturais, simbologias, emoções e entrega da alma. O repertório de movimentos é também muito vasto e exigem bastante consciência corporal, o que muitas vezes leva tempo para atingir. Não tenha pressa de aprender, curta cada momento, cada conquista e quando menos esperar já estará arranhando sua primeira dança. Costumamos dizer que a dança é um aprendizado de uma vida inteira, quanto mais estudamos, aprendemos e nos envolvemos com esta arte percebemos o quanto é ampla, bela e nos proporciona um prazer imensurável.

Não tem problema, como dito anteriormente, cada pessoa é única e não exigimos tempo para aprendizado. Cada aluno vai no seu limite, e se desenvolve de acordo com a sua história. Existem muitas alunas que fazem dança para relaxar e exercer uma atividade física, e não tem intenção de se apresentar ou se profissionalizar, não há problema nenhum quanto a isso.

A escola possui uma Cia de Danças na qual o trabalho de estudo é diferenciado, temos também cursos especializados para este fim além das aulas regulares. Também realizamos periodicamente workshops e oficinas para aprimorar o aprendizado dos alunos.

Roupas confortáveis, tipo de ginástica. Calça tipo legging ou bailarina para que possamos visualizar e corrigir postura, joelhos e posições das pernas e pés. Blusas mais justas para poder visualizar os movimentos de quadril e tronco. Costumamos usar também lenços bordados com penduricalhos nos quadris para facilitar a visualização dos movimentos. As aulas são executadas com pés descalços.

Qualquer atividade física proporciona gasto calórico, no caso da dança do ventre este gasto pode variar muito entre uma aula e outra pois vai depender do conteúdo da aula. Estudos afirmam que o gasto calórico pode chegar a 400 calórias por hora, mas o que vai realmente te emagrecer será sua determinação em associar uma atividade física a uma dieta equilibrada.

Nenhuma atividade física se bem executada dá barriga. O que dá barriga é má postura, alimentação inapropriada no dia a dia e tendência genética. Na verdade é o contrário, a dança do ventre ajudará a reduzir suas medidas nesta região pois além de trabalhar bastante a musculatura local, também é excelente exercício de consciência postural.

O atendimento pessoal na escola ocorre apenas nos horários de aula. Somos um espaço pequeno, personalizado, com turmas reduzidas, muito bem localizado, procuramos oferecer os melhores cursos com excelentes profissionais ao melhor preço possível e um atendimento personalizado, portanto não possuímos recepção ou funcionários em tempo integral ou horário comercial padrão. As dúvidas e informações podem ser sanadas por email, whatsapp, telefone, ou por agendamento de visita.

Sim, em turmas e horários já existentes, com prévio agendamento e antes do término do plano de mensalidade.

Se o objetivo é apenas a sedução, não precisa fazer aulas para isso. Basta uma fantasia de odalisca, uma música baixada pela internet e um pouco de criatividade. As aulas de dança do ventre no Pandora Danças não tem esta finalidade.

Sim, todo final de ano fazemos uma confraternização com apresentações dos alunos que desejarem participar. Periodicamente também realizamos saraus e encontros entre alunos para confraternizar e celebrar a arte, mas nunca é obrigatório.